684: Regresso à (quase) normalidade. Saiba tudo o que vai mudar

 

 

SAÚDE/COVID-19/SITUAÇÃO DE CALAMIDADE

Às 00.00 deste sábado o país passa de “estado de emergência” para “situação de calamidade”. A semântica indica um nível de risco mais grave. Mas não, é ao contrário – o nível de risco é mais leve. Saiba tudo o que pode mudar.

A vida em Portugal vai-se aproximando do que era normal antes da pandemia. Na foto, rua pedonal no centro de Braga
© HUGO DELGADO/LUSA

Antes de tudo: o uso de máscara permanece obrigatório?

Sim! Mas não se siga apenas pelo que lhe é imposto por lei. Faça disso um ato voluntário de bom senso. O uso de máscara limita, de facto, a propagação da pandemia.

Posso ir jantar fora no sábado ou no domingo?

Não é obrigatório – mas pode. Até agora os restaurantes só podiam abrir até às 13.00 aos fins de semana (e 22.00 durante a semana). Mas a partir deste sábado poderão funcionar todos os dias até às 22.30. No interior dos restaurantes (e similares) a lotação máxima passa a ser de seis pessoas por mesa; e nas esplanadas, dez.

Isto é assim no país todo?

Não. Há concelhos que, por causa da sua incidência pandémica alta, não avançam para esta quarta fase do plano de desconfinamento. São eles Miranda do Douro, Paredes, Valongo, Alzejur, Resende, Carregal do Sal e Portimão. E ainda há o caso de duas freguesias de Odemira (São Teotónio e Longueira/Almograve) que ficam sujeitas a cerca sanitária. A reavaliação destas situações passa a ser semanal (até agora era quinzenal).

Como vai ficar a obrigatoriedade do teletrabalho?

Até ao próximo dia 16 o teletrabalho será obrigatório em todos os concelhos do continente. A partir daí a situação irá variar consoante a incidência pandémica em cada concelho.

Tenho umas saudades infernais de dançar loucamente pela noite fora. Posso ir à discoteca?

Não. Os bares e discotecas continuam encerrados e não se sabe quando poderão reabrir.

Mas apetece-me tanto dançar…

Não é a mesma coisa, mas a verdade é que as actividades de grupo nos ginásios podem ser retomadas. Entre a zumba, as danças latinas ou o forró, é só escolher dentro do menu disponível no seu ginásio.

Também tenho muitas saudades de praticar luta greco-romana. Posso regressar ao ginásio?

Pode. Todos as práticas desportivas são de novo autorizadas e isso inclui as consideradas de “alto risco” (como é a luta greco-romana, por implicar contacto corpo a corpo).

Portanto, se me apetecer organizar uma futebolada com os amigos posso fazê-lo. Certo?

Certo.

E regressar ao estádio para ver o meu clube jogar?

Isso não. Os jogos vão continuar a realizar-se sem público e o primeiro-ministro já disse que esse deverá ser o cenário até ao final da época.

Gosto muito de várias igrejas portuguesas. Mas é na catedral de Santiago de Compostela que me sinto mais perto de Deus. Posso ir lá?

Pode. As fronteiras com Espanha serão reabertas este sábado às 00.00.

E se me apetecer ir a seguir a uma discoteca nas redondezas da catedral?

Não pode. Lá, como cá, as discotecas estão encerradas.

E ir petiscar polbo á feira [polvo à galega]?

Isso pode. Os restaurantes estão abertos. Há vários muito razoáveis nas ruas à volta da catedral.

Voltando a Portugal. Posso ir ao teatro?

Pode e deve. Os espectáculos culturais em geral – teatros, concertos, etc – também reabrem (com hora de encerramento igual à dos restaurantes, às 22.30). Faça isso já este sábado, se puder. A cultura foi dos sectores mais afectados pela pandemia, precisa urgentemente de espectadores. Os museus, palácios e monumentos também regressam aos horários habituais, com limite de encerramento às 22.30.

Além dos restaurantes e dos espectáculos culturais, como vai ser a situação no restante comércio?

Todas as lojas e centros comerciais poderão estar abertos até às 21.00 durante a semana e 19.00 aos fins de semana e feriados. Mas nunca se esqueça: o uso de máscara mantém-se obrigatório. Preserva também as distâncias.

Podem-se comprar bebidas alcoólicas num supermercado depois das 20.00?

Sim. A venda só era permitida até às 20.00 mas agora passa a ser até às 21.00. É possível consumir bebidas alcoólicas nos restaurantes (e similares) mas só acompanhando refeições.

Vamos voltar a ter nas praias as regras do ano passado?

Sem tirar nem pôr. Haverá “semáforos” a indicar os níveis de ocupação. Os utentes devem assegurar um distanciamento físico de 1,5 metros entre diferentes grupos e afastamento de três metros entre chapéus de sol, toldos ou colmos.

Apetece-me casar. Posso?

Tendo com quem, claro. Aliás, sempre pôde. Só que agora já lhe é permitido celebrar com amigos e família a seguir, no tradicional copo de água, desde que a lotação ocupada não seja superior a 50% da lotação máxima possível. O mesmo se aplica a baptizados e comunhões, por exemplo.

Diário de Notícias
João Pedro Henriques
30 Abril 2021 — 23:26

 

© ® inforgom.pt e apokalypsus.com são domínios registados por F. Gomes

 

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.