3136: Tsunami mortal causado pelo vulcão Anak Krakatoa era mais alto do que a Estátua da Liberdade

CIÊNCIA

Ben Beiske / Flickr

O vulcão Anak Krakatoa, na Indonésia, formou-se devido a um dos desastres vulcânicos mais mortais da História moderna. No ano passado, esteve perto de desencadear algo semelhante.

Em 2018, quando o Anak Krakatoa entrou em erupção violentamente, o seu interior desabou repentinamente, provocando um tsunami que matou mais de 400 pessoas nas ilhas de Sumatra e Java.

Quando as ondas chegaram a civilização, cerca de uma hora depois do desabamento, o “muro” de água tinha mais de dez metros de altura. No entanto, de acordo com investigadores da Universidade de Brunel, em Londres, e da Universidade de Tóquio afirmam que essa foi apenas uma pequena fracção da sua antiga glória.

Com base nos dados do nível do mar de cinco localidades em torno de Anak Krakatoa, os investigadores criaram uma simulação em computador do tsunami e dos seus movimentos em 12 cenários diferentes. Os resultados indicam que a onda inicial tinha o formato de uma corcunda pura ou de uma elevação.

De acordo com as estimativas, no seu auge, o tsunami tinha entre 100 e 150 metros de altura – ou seja, segundo o ScienceAlert, era maior do que a Estátua da Liberdade, em Nova Iorque. Essa poderosa massa de água produziria energia semelhante a um terremoto de 6,0 ou 6,1 na escala Richter.

Tono Balaguer / Canva
Estátua da Liberdade, em Nova Iorque

Mas, à medida que essas enormes ondas correram o oceano, como ondulações num lago, gradualmente diminuíram devido à gravidade e atrito até que, a cerca de 80 metros de altura, finalmente atingiram a terra.

“Felizmente, ninguém morava naquela ilha”, disse Mohammad Heidarzadeh, engenheiro civil da Universidade de Brunel, em comunicado divulgado pelo Phys. “No entanto, se houvesse uma comunidade costeira perto do vulcão – dentro de cinco quilómetros – a altura do tsunami estaria entre 50 e 70 metros quando atingisse a costa”.

Se isso tivesse acontecido, os resultados teriam sido catastróficos. Em 1883, a erupção de Krakatoa, que ocorreu no mesmo local, provocou um tsunami maciço que matou cerca de 36 mil pessoas. No auge, o tsunami tinha 42 metros de altura e as ilhas atingidas eram muito menos povoadas do que hoje.

Assim, de acordo com o estudo que será publicado em Janeiro na revista científica Ocean Engineering, se o tsunami de Anak Krakatoa viajasse noutra direcção, poderia ter sido um dos piores desastres naturais do nosso tempo. A devastação deste vulcão é um lembrete do que pode acontecer no pior dos casos.

ZAP //

Por ZAP
4 Dezembro, 2019

spacenews