535: Uber revela o último protótipo do seu “carro voador”

(dr) Uber

A Uber apresentou o protótipo daquele que pretende que seja o seu “carro voador”, na segunda edição da Uber Elevate Summit, em Los Angeles.

A Uber foi obrigada a suspender os testes com os carros autónomos, mas já pensa nos “carros voadores”, que pretende que estejam disponíveis em 2020 em algumas cidades norte-americanas.

Segundo a imprensa internacional, o veículo assemelha-se a um drone e a empresa diz que vai poder voar entre os mil e os dois mil pés, isto é, entre os 305 e os 610 metros de altitude.

Inicialmente, os “táxis” vão contar com um condutor, mas a ideia da companhia é que no futuro não seja preciso um humano a conduzi-lo, ou seja, que as máquinas sejam autónomas.

Sublinhe-se que não será a Uber a construir o veículo, o que significa que este protótipo pode vir a não ser construído. Ainda assim, a ideia é que seja um modelo para aqueles que poderão ser os fabricantes da empresa, como a Helicopters, a Bell, a Embraer e a Pipistrel.

No mesmo dia, a Uber anunciou que assinou um acordo com a NASA para explorar esta possibilidade, com a agência espacial a informar que vai iniciar as simulações dos chamados “veículos de mobilidade aérea urbana”, que também inclui drones para fazer entregas.

A NASA defende que o objectivo é criar uma rede que permita aos moradores receber uma pequena aeronave da mesma forma que os utilizadores da Uber podem agora usar uma aplicação para pedir um carro. A agência espacial afirma que as simulações estão a ser planeadas nas suas instalações no aeroporto internacional de Dallas Fort Worth.

ZAP // Lusa / Mais Tecnologia

Por ZAP
12 Maio, 2018

[vasaioqrcode]

[SlideDeck2 id=1476]

[powr-hit-counter id=c2ae12e8_1526160616935]

 

526: NASA e Uber querem desenvolver táxis aéreos

Uma ilustração da NASa deste futuro que, garantem, não é um sonho | NASA / Lillian Gipson

A NASA defende que o objectivo é criar uma rede que permita aos moradores receber uma pequena aeronave

A NASA e a Uber assinaram hoje um acordo para explorar a possibilidade de colocar táxis aéreos nos céus das cidades dos Estados Unidos.

A NASA informou que vai iniciar as simulações dos chamados “veículos de mobilidade aérea urbana”, que também incluí drones para fazer entregas.

Este anúncio surge numa altura em está a decorrer a cimeira Uber Elevate, em Los Angeles, nos Estados Unidos, que reúne líderes da área das tecnologias e transportes para discutir o futuro da aviação urbana.

A NASA defende que o objectivo é criar uma rede que permita aos moradores receber uma pequena aeronave da mesma forma que os utilizadores da Uber podem agora usar uma aplicação para pedir um carro.

A agência espacial afirma que as simulações estão a ser planeadas nas suas instalações no aeroporto internacional de Dallas Fort Worth.

Diário de Notícias
09 DE MAIO DE 2018 08:42
DN/Lusa

[vasaioqrcode]

[SlideDeck2 id=1476]

[powr-hit-counter id=f13fa2c8_1525861902544]