1339: Sonda InSight chega hoje a Marte e vai passar por ‘seis minutos de terror’. Acompanhe em directo

O pouso em solo marciano está previsto para as 19:54H, hora de Portugal Continental. Sonda vai estudar o interior dos terrenos em Marte, para que os cientistas possam perceber melhor o processo de formação e evolução do planeta.

Esta segunda-feira pode fazer-se história outra vez. O robô InSight está a aproximar-se de Marte a alta velocidade – 12 mil quilómetros por hora -, mas o grande momento só acontece ao final da tarde. Antes de tocar em solo marciano, a sonda vai passar por ‘seis minutos de terror’, um termo para designar o tempo em que as operações na Terra vão ter que esperar para saber se a ‘amartagem’ foi bem sucedida.

O momento crítico acontece quando a InSight entra na atmosfera marciana e tem de reduzir a sua velocidade de forma drástica para evitar uma colisão com o solo marciano. Quando a informação chegar junto dos investigadores e operadores da Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço dos EUA (NASA na sigla em inglês), ou a sonda já está pousada há seis minutos ou já se despenhou há seis minutos.

“Claro que estamos preocupados. Nunca podes tomar Marte como garantido, Marte é difícil”, disse Thomas Zurbuchen, administrador associado da NASA, numa conferência de imprensa esta domingo.

Depois de passar pela atmosfera de Marte, o robô vai largar o escudo térmico protector e vai accionar um para-quedas. Depois, a descida até ao solo vai ser feita com a ajuda de 12 propulsores, que vão tentar reduzir ao máximo a velocidade de descida da sonda, para que o impacto com o solo seja o mais reduzido possível.

Além disso, a entrada na atmosfera marciana terá de ser feita com um robô num ângulo de 12º, caso contrário a sonda pode arder ou nem sequer fazer a entrada no planeta vermelho, perdendo-se depois no Sistema Solar, explica a publicação Space.com.

Caso a missão seja bem sucedida, a sonda InSight vai ajudar os investigadores da NASA e de outras unidades científicas do estudo do espaço a perceber melhor a composição do planeta vermelho. O objectivo é perceber melhor o processo de formação e evolução de Marte e, quem sabe, dar novas pistas sobre a existência de vida no planeta.

Pode acompanhar o processo a ‘amartagem’ da InSight através da transmissão em directo que a NASA vai fazer no YouTube:

DN_insider
Segunda-feira, 26 Novembro 2018