2720: Fóssil de pterossauro gigante encontrado no Reino Unido. Tinha 6 metros e pesava até 300 quilos

CIÊNCIA

Mark Witton and Darren Naish

Uma equipa de cientistas descobriu os restos fósseis de um pterossauro gigante com cerca de 125 milhões de anos na ilha de Wight, no Reino Unido, noticia esta semana a imprensa britânica.

Este fóssil de Hatzegopteryx, cuja envergadura rondava os seis metros, pode oferecer mais dados sobre este animal que é considerado o maior dinossauro voador da sua época, tal como escreve o The Sunday Times e o Mirror.

“Acreditamos que este é um dos primeiros super-pterossauros (…) Pode ter sido a maior criatura voadora que já viveu até então”, disse o autor da descoberta, Robert Coram.

Estes répteis, os primeiros animais vertebrados que desenvolveram a capacidade de voar, pesavam até 300 quilos e caçavam crias de outros dinossauros, bem como espécimes adultos graças às suas mandíbulas alongadas, explicou.

Michael Habib, especialista em pterossauros da Universidade do Sul da Califórnia, nos Estados Unidos, recordou que estes animais também andavam na terra.

De acordo com o mesmo cientista, o modelo tridimensional dos seus corpos mostras que estes animais partiram de uma posição quadrúpede: impulsionavam-se com as patas traseiras e, posteriormente, começaram a utilizar as dianteiras para descolar.

https://www.thetimes.co.uk/edition/news/isle-of-wight-find-proves-winged-dinosaurs-took-off-by-vaulting-into-the-air-zq0q8thtp

De acordo com os cientistas, que publicaram os resultados da investigação na revista Proceeding of the Geologists Association, a descoberta deste fóssil no Reino Unido, a par de um outro achado na China, mostra que os “pterossauros de grandes dimensões já estavam espalhados no Cretáceo desde há muito tempo”, pode ler-se na publicação.

ZAP //

Por ZAP
27 Setembro, 2019