2830: Foguete impresso em 3D está quase pronto para a sua primeira missão no Espaço

CIÊNCIA

(dr) Relativity Space

A Relativity Space é uma empresa que pretende lançar em órbita o primeiro foguete imprimido a 3D. A startup diz que já recolheu o financiamento necessário para a sua primeira missão.

Com uma visão inovadora, a Relativity Space está a caminhar a passos largos para a ser a primeira empresa a conseguir colocar em órbita um foguete imprimido a 3D. A startup americana garante que já conseguiu reunir o financiamento necessário para a sua primeira missão oficial. É esperado que comece as suas operações comerciais em 2021.

Segundo o The Verge, a empresa conseguiu angariar 185 milhões de dólares que deverão ser suficientes para dar o primeiro empurrão. Composta por antigos engenheiros da Blue Origin e da SpaceX, a equipa da Relativity Space quer construir quase todo o equipamento dos seus veículos através de impressoras 3D.

O uso deste método permite reduzir significativamente os custos de produção, já que são precisas menos peças para construir o foguete. A empresa espera ainda replicar este ideal no espaço. Por exemplo, imprimir um foguete em Marte para que possa regressar à Terra.

A Relativity Space está agora a construir o seu primeiro foguete: o Terran 1. Com a actualização das impressoras, a empresa prevê que possa construir um foguete igual a este em menos de 60 dias.

O Terran 1 foi projectado para ter cerca de 90 metros de altura e transportar 1.250 quilogramas de carga útil. Contudo, isto é apenas 6% da capacidade total do Falcon 9 da Space X. Como resposta a este problema, a empresa explica que aumentou o espaço para a carga, permitindo agora transportar o dobro daquilo que foi inicialmente planeado.

O foguete já foi testado, mas ainda não foi oficialmente lançado. “Em breve, poderemos lançar aquele que é o primeiro foguete do mundo totalmente impresso em 3D”, disse o CEO da Relativity Space, Tim Ellis. “Não só será um grande marco para os clientes, mas também acho que é um enorme testemunho da tecnologia de impressão 3D e da fábrica Stargate que estamos a construir”.

ZAP //

Por ZAP
14 Outubro, 2019