439: ESA testa com sucesso o para-quedas para missão a Marte

A ida a Marte é um dos grandes objectivos da humanidade. Chegar a outro planeta é complicado e requer muitos esforços e preparações que garantam que todas as fases da missão são bem sucedidas. Agências espaciais ao redor do mundo já começam a testar equipamento e técnicas para serem aplicadas no futuro.

A Agência Espacial Europeia (ESA) testou pela primeira vez o para-quedas de aterragem da missão ExoMars. O distender bem sucedido do para-quedas é um marco importante na missão da ESA.

Um para-quedas muito importante…

O foco deste teste realizado na Suécia foi o segundo para-quedas principal de 35 metros de diâmetro. Esta tentativa demonstrou a abertura em segurança do para-quedas a baixa altitude. Na sua totalidade, o sistema de para-quedas pesa cerca de 195 quilogramas e o segundo para-quedas principal pesa 70 quilogramas.

Esta tentativa começou com lançamento da carga de teste de um helicóptero a uma altura de 1.2 km. O segundo para-quedas foi activado 12 segundos depois de um primeiro para-quedas e bastante mais pequeno ter sido distendido. Após esse evento, demorou cerca de dois minutos para a aterragem em segurança da mercadoria de teste.

O sucesso deste teste utilizando um para-quedas mais pequeno nas instâncias iniciais do processo de aterragem e posterior pouso da carga sem danos é de extrema importância para o projecto que tem vindo a ser conduzido pela ESA.

Ver a aterragem da mercadoria de teste utilizando este para-quedas gigante é um momento muito entusiasmante.

Thierry Blancquaert (ESA)


2021: ExoMars rover em Marte

Este será o maior para-quedas de sempre a ser enviado para Marte e está inserido numa série de testes para preparar o inicio da missão ExoMars que tem como principal objectivo enviar um rover da ESA e uma plataforma de ciência à superfície para Marte.

O veículo Espacial que irá tratar do transporte da carga para o planeta vermelho tem lançamento marcado para Julho de 2020 e deverá chegar a Marte em Março de 2021, cerca de 8 meses depois. Este rover será o primeiro do seu tipo a explorar o solo marciano e a procurar vida enterrada no planeta vermelho.

A carga será transportada numa cápsula que se irá separar do resto do hardware de transporte momentos antes de entrar na atmosfera de Marte. Por esta altura, deverão ser distendidos para-quedas e activados propulsores responsáveis por entregar toda a carga em segurança.


Conclusão

Futuros testes com para-quedas irão envolver a queda de cargas de outro tipo e a uma altitude maior. Um dos testes irá ter como protagonista um balão estratosférico que será largado a 30km de altitude de forma a representar de forma mais realista e significativa a baixa pressão atmosférica de Marte.

Testes posteriores irão também perceber melhor e corrigir todo o processo de aterragem de carga utilizando dois para-quedas principais.

Pplware
Tomás Santiago
02 Abr 2018

[SlideDeck2 id=1476]

[powr-hit-counter id=cc7eb3b8_1522886152550]