4293: Empresa australiana encontra uma das maiores crateras de meteorito do mundo

CIÊNCIA/ESPAÇO

rickmach / Flickr
Fotografia ilustrativa da cratera de meteorito no Arizona

Uma empresa australiana, que levava a cabo perfurações em busca de ouro, encontrou uma enorme cratera de meteorito, com 100 milhões de anos.

Uma equipa de geólogos encontrou uma cratera gigante, com uma idade estimada em 100 milhões de anos, perto da cidade Ora Banda, no sudoeste da Austrália. De acordo com o The Guardian, a cratera tem um diâmetro de cerca de cinco quilómetros e, embora não seja visível da superfície, foi encontrada graças a pesquisas electromagnéticas.

O geólogo e geofísico Jayson Meyers disse que a descoberta foi significativa e inesperada, dado que foi feita numa “área onde a paisagem é muito plana”. Esta cratera, encontrada por acaso durante uma perfuração em busca de ouro pela empresa Evolution Mining, é considerada uma das maiores crateras de meteorito do mundo.

(dr) Resource Potentials

“Se conseguirmos entender a história geológica, podemos prever quando acontecerá o próximo evento”, disse o especialista.

“Provavelmente, já fomos atingidos por mais asteróides do que pensávamos. Se começarmos a reconhecer estes eventos, o panorama começa a mudar. Temos que questionar a frequência e por que razão acontecem”, acrescentou, sugerindo que o meteorito da Ora Banda tinha um diâmetro entre 100 e 200 metros.

ZAP //

Por ZAP
7 Setembro, 2020