246: Sismo de 4,9 em Arraiolos sentido em vários pontos do país

domesticat / Flickr

Um sismo de magnitude 4,9 na escala de Richter com epicentro a cerca de seis quilómetros Norte-Nordeste de Arraiolos foi sentido, esta segunda-feira, em Portugal continental, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

O tremor de terra foi registado às 11h51 e o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) informa que o epicentro do sismo se “localizou a cerca de 6 km a Norte-Nordeste de Arraiolos”, no distrito de Évora.

“Este sismo, de acordo com a informação disponível até ao momento, não causou danos pessoais ou materiais e foi sentido com intensidade máxima IV (escala de Mercalli modificada) na região de Elvas” lê-se no comunicado do IPMA.

O instituto recorda que a localização do epicentro de um sismo “é um processo físico e matemático complexo que depende do conjunto de dados, dos algoritmos e dos modelos de propagação das ondas sísmicas”, lembrando que “agências diferentes podem produzir resultados ligeiramente diferentes“.

“Do mesmo modo, as determinações preliminares são habitualmente corrigidas posteriormente, pela integração de mais informação”, acrescentou.

Em declarações ao Diário de Notícias, o Comandante dos Bombeiros Voluntários de Elvas, Tiago Bugio, confirmou que não se registaram danos mas as escolas foram evacuadas por precaução.

O Comandante explicou ao jornal que alunos, docentes e pessoal auxiliar da Escola Secundária D. Sancho II e as escolas de Santa Luzia e da Boa Fé saíram das instalações e a população em geral foi para a rua quando sentiu o abalo.

Segundo o que o Jornal de Notícias conseguiu apurar, o sismo também foi sentido noutras localidades do Alentejo, como Beja, Aljustrel, Ourique e Castro Verde.

Também o jornal Público refere que o tremor de terra foi sentido em várias zonas de Portugal continental, incluindo Lisboa, Porto, Viseu e Coimbra.

Escala de Richter

DESIGNAÇÃO MAGNITUDE EFEITOS POSSÍVEIS QUANTIDADE
Micro < 2,0 Micro tremor de terra, não se sente. ~ 8000 por dia
Muito pequeno 2,0-2,9 Geralmente não se sente, mas é detectado/registado. +/-1000 por dia
Pequeno 3,0-3,9 Frequentemente sentido, mas raramente causa danos. +/-49000 por ano
Ligeiro 4,0-4,9 Tremor notório de objectos no interior de habitações, ruídos de choque entre objectos. Danos importantes pouco comuns. +/- 6200 por ano
Moderado 5,0-5,9 Pode causar danos maiores em edifícios mal concebidos em zonas restritas. Provoca danos ligeiros nos edifícios bem construídos. +/- 800 por ano
Forte 6,0-6,9 Pode ser destruidor em zonas num raio de até 180 quilómetros em áreas habitadas. +/- 120 por ano
Grande 7,0-7,9 Pode provocar danos graves em zonas mais vastas. +/- 18 por ano
Importante 8,0-8,9 Pode causar danos sérios em zonas num raio de centenas de quilómetros. +/- 1 por ano
Excepcional 9,0-9,9 Devasta zonas num raio de milhares de quilómetros. ~ 1 em 20 anos
Extremo > 10,0 Nunca foi registado x

Fonte: Apolo11.com

ZAP // Lusa

[vasaioqrcode]

[SlideDeck2 id=42]

[powr-hit-counter id=6504fad8_1516024429560]