3952: Eclipse Penumbral da Lua, em 5 de Julho de 2020

CIÊNCIA/ASTRONOMIA

Eclipse penumbral da lua, em 5 de Julho de 2020

Fig. 1 – Máximo do Eclipse Penumbral da Lua às 05:30 horas do dia 5 de Julho em Lisboa mostrando a constelação de Sagitário e os planetas Júpiter e Saturno. (Clique na imagem para obter maior resolução.)

Este eclipse penumbral será visível a partir da Antárctida, Europa Ocidental, África, América do Sul, América do Norte, Oceano Atlântico e Oceano Pacífico Oriental.

Grandeza da penumbra do eclipse = 0.380 considerando o diâmetro da lua como unidade.

Em Portugal continental, a lua entra na Penumbra pelas 04h04 numa altura em que ainda está bem baixa no horizonte (altura da lua=15º) e com o azimute de 215 º (contado de Norte para Este). Nesta ocasião a lua encontra-se muito próxima de Júpiter e Saturno fica ligeiramente acima na constelação de Sagitário na direcção Sudoeste. O máximo do eclipse ocorre pelas 05h30. A duração do eclipse é de 1h26 e apresenta uma ligeira variação do brilho da lua que dificilmente é notada. O ocaso da lua ocorre pelas 06h18, a partir desta altura não será possível observar a lua a sair da Penumbra, por este fenómeno ocorrer mais tarde pelas 06h56. (ver tabela abaixo, com os detalhes do eclipse para as várias cidades)

O eclipse penumbral da Lua é um fenómeno astronómico que ocorre quando a Lua entra na região da penumbra da Terra, e resulta numa variação do brilho da Lua que dificilmente é notada. Isto sucede quando a Lua, em fase de Lua cheia, passa nos seus nodos ou na sua proximidade.

OAL – Observatório Astronómico de Lisboa
30 Jun 2020

 

spacenews

 

3800: Esta noite (sexta-feira, dia 5) há um eclipse penumbral da Lua

CIÊNCIA/ASTRONOMIA/ECLIPSES

Marshall Space Flight Center / NASA

Esta noite tem bons motivos para atrasar o jantar: ao início da noite desta sexta-feira, haverá um eclipse penumbral da Lua.

A Lua vai ficar na penumbra na noite desta sexta-feira. Pouco antes das 21h, em Portugal continental, a Lua nasce já eclipsada. Segundo o Observatório Astronómico de Lisboa, a Lua já nascerá eclipsada pelas 20h52, contando-se que saia da penumbra pelas 22h06.

Este fenómeno astronómico “ocorre quando a Lua entra na região da penumbra da Terra”, o que acaba por resultar “numa variação do brilho da Lua”.

Citado pelo Público, Gustavo Rojas, membro do Núcleo Interactivo de Astronomia (Nuclio), explicou que a Lua começa a entrar na penumbra por volta das 18h45 (hora de Lisboa) quando ainda está abaixo do horizonte. Depois, a Lua nascerá eclipsada pouco antes das 21h: em Lisboa às 20h52; no Porto às 20h58; em Coimbra às 20h53; e em Faro às 20h42. Já no Funchal isso acontecerá às 21h08 e em Ponta Delgada às 20h59.

O eclipse será visível durante mais de uma hora e menos de uma hora nos arquipélagos. O fenómeno como um todo durará mais de três horas.

“É um fenómeno muito subtil. Vai ser um verdadeiro desafio [vê-lo]”, revelou Rojas.

O eclipse será visível da Austrália, Antárctida, Ásia, Europa, África, Leste da América do Sul, do Sul do oceano Atlântico, do oceano Índico e do oceano Pacífico Ocidental.

ZAP //

Por LM
5 Junho, 2020

Infelizmente, do meu local de observação lunar, não possuo condições mínimas para poder observar, em pleno e em profundidade, estes acontecimentos astronómicos, por isso, este eclipse penumbral lunar, passou-me ao lado. Mas consegui, um pouco mais tarde, captar imagens lunares da Lua de Morango.

Blogue Astrophotography: http://astrofotography.eu/stargate/2020/06/05/06-jun-2020/

Fenómeno raro: esta sexta-feira começa a “Lua de Morango”, que dura três dias

 

spacenews