370: Neil deGrasse Tyson prova (outra vez) que a Terra é redonda

(cv) Startalk
Segundo os Terraplanistas, a Terra está rodeada de esferas, mas é um disco

Os terraplanistas encontraram um adversário de peso: Neil deGrasse Tyson. O famoso astrofísico decidiu refutar os argumentos usados para afirmar que o nosso planeta se assemelha mais a uma pizza do que a um globo.

Num vídeo de quase 10 minutos, o conhecido astrofísico Neil deGrasse Tyson explica ao comediante Chuck Nice porque razão é muito fácil perceber que a Terra é uma esfera, e faz um apanhado histórico das razões pelas quais algumas pessoas acreditaram, ao longo dos tempos, que o nosso planeta seria plano.

Neil recorda as diferentes experiências que, ao longo dos séculos, da Grécia antiga de Eratóstenes até aos dias actuais, passando por Galileu e Colombo, provaram que a Terra tem forma arredonda.

O astrofísico salienta também que parece estranho que os Terraplanistas reconheçam que a Terra se encontra em órbita em volta de uma esfera, e que os seus planetas vizinhos sejam todos esferas, e que a Lua é uma esfera, mas que no meio deles todos a Terra é… um disco.

“Há qualquer coisa nessa teoria conspiratória que não bate certo”, diz o astrofísico. Mas na realidade, há uma conspiração em que deGrasse Tyson acredita. “As leis da física, as leis da conservação da energia, a forma como o Universo evoluiu e a dinâmica dos seus corpos, tudo isso está a conspirar para tornar as coisas redondas“, explica.

A prova mais simples que deGrasse Tyson apresenta de que a Terra é uma esfera baseia-se no entanto nos eclipses lunares. Se a Terra fosse plana, diz o astrofísico, a forma que projectaria na Lua durante um eclipse lunar seria sempre diferente, dependendo do ângulo em que se encontrassem em relação ao Sol – e seria quase sempre rectangular.

No entanto, salienta, a sombra da Terra na Lua é sempre, invariavelmente, um círculo – o que só se pode explicar se a Terra for uma esfera. “Pode ser uma esfera achatada nos pólos, mas é uma esfera, não é um disco“, conclui deGrasse Tyson.

Por fim, o astrofísico chama a atenção para a responsabilidade que os sistemas educativos têm, numa altura em que aumenta o número de pessoas que acredita na hipótese da Terra plana, apesar de a nossa tecnologia ser capaz de provar de tantas formas o formato do nosso planeta.

Segundo o astrofísico, o ensino das ciências não deve apenas ensinar como a metodologia científica permite que se verifiquem os factos, mas também ajudar os alunos a entender como o pensamento racional funciona.

Por fim, apesar da forma como “arrasa” os Terraplanistas, deGrasse Tyson salienta que respeita as suas opiniões. Afinal de contas, vivemos numa esfera onde há liberdade de expressão.

ZAP // CanalTech

Por ZAP
13 Março, 2018

[vasaioqrcode]

[SlideDeck2 id=1476]

[powr-hit-counter id=e7266a87_1520977058077]