3279: Astronautas podem sofrer choques eléctricos na Lua

CIÊNCIA

Bre Pettis / Flickr

Os cientistas estão preocupados com uma questão que não afectou os anteriores visitantes do satélite natural: choques eléctricos.

Quando o assunto é o ambiente espacial, há muitos mistérios ainda por desvendar. Em 2024, a NASA pretende enviar astronautas à Lua, cinco décadas após a última missão Apollo. No entanto, para as futuras missões Artemis, os cientistas estão preocupados com uma questão que não afectou os anteriores visitantes do satélite natural: o perigo de os astronautas levaram choques eléctricos na Lua.

De acordo com os cientistas, o simples facto de estar na superfície da Lua é suficiente para carregar electricamente o fato espacial ou qualquer outro objecto que esteja em contacto com o solo.

Exposta ao vento solar, a superfície lunar possui uma carga eléctrica natural. Na Terra, o campo magnético protege-nos destas partículas energizadas ejectadas pelo Sol, mas a Lua não possui esta protecção. Por esse motivo, os electrões e os iões deixam a superfície electricamente carregada. Soma-se a isso o facto de a poeira lunar, também carregada, se agarrar a tudo o que toca a superfície.

Segundo o físico Joseph Wang, a poeira lunar pode agir como elemento que conduz os electrões. Quando agarrada ao fato dos astronautas, a poeira pode desencadear choques eléctricos em equipamentos que podem deixar de funcionar, ou simplesmente dar um susto aos astronautas, explica o CanalTech.

Durante as missões Apollo, não houve relatos de choques eléctricos na Lua. Wang explica que isso aconteceu por causa das áreas onde as missões pousaram – sempre em locais banhados pela luz solar.

A luz solar não carrega nenhum tipo de carga eléctrica, mas os fotões podem causar um efeito fotoeléctrico que carrega positivamente alguns electrões, equilibrando com os carregados negativamente levados pelo vento solar. Graças a este balanceamento, os choques eléctricos acontecem menos vezes.

No entanto, o programa Artemis tem como objectivo pousar no pólo Sul da Lua, onde os raios solares não incidem directamente. De acordo com o Gizmodo, nesta área específica, os electrões do vento solar predominam e a luz solar mais fraca não consegue equilibrar este jogo de carga. Aliás, segundo os cientistas, as regiões sombreadas podem chegar a ter “centenas ou milhares de volts negativos“.

Jim Rice, cientista do Instituto de Ciência Planetária no Arizona, nos Estados Unidos, não acredita que o perigo de os astronautas levarem choques eléctricos seja um grande problema. Para o especialista, o problema é não sabermos o que aconteceria se esses astronautas se locomovessem na Lua com materiais e equipamentos carregados.

A equipa de Wang realizou um teste para descobrir se a poeira lunar pode mesmo influenciar os choques eléctricos. Para isso, os cientistas usaram amostras de Gore-Tex, o tecido usado nos fatos espaciais, e colocaram-nas numa câmara a vácuo com um simulador do regolito lunar.

De seguida, os cientistas descarregaram plasma nessas amostras para ver se seriam vulneráveis ao arco eléctrico. Como esperavam, as amostras cobertas de poeira apresentaram arcos com mais frequência do que aquelas que estavam limpas.

“A próxima pergunta é: esses arcos podem danificar o fato espacial?”, questionou Wang que ainda não acredita que esta experiência pode ser indicativa de perigo para os astronautas. Apesar disso, as pesquisas continuam, enquanto a missão Artemis de 2024 se aproxima.

ZAP //

Por ZAP
28 Dezembro, 2019

 

spacenews

 

33 thoughts on “3279: Astronautas podem sofrer choques eléctricos na Lua

  1. Um pormenor que está a escapar-me nesta notícia, ou antes, não me escapa, eu é que não entendo porque razão na missão Apollo, os choques eléctricos não afectaram os astronautas que pisaram solo lunar e agora os cientistas estão preocupados com essa questão: o perigo de os astronautas levaram choques eléctricos na Lua. Se não existe alterações ao facto de a Lua não ter protecção como a que existe na Terra, ou seja, exposta ao vento solar, a superfície lunar possui uma carga eléctrica natural. Na Terra, o campo magnético protege-nos destas partículas energizadas ejectadas pelo Sol, mas a Lua não possui esta protecção. Antes, não existiu essa possibilidade de choques eléctricos e agora existem?

  2. Excellent post. I was checking continuously this blog aand I am impressed!
    Extremely useful information. I care for such
    information a lot. I was looking for this certain information for a very long time.Thank you annd good luck.

Responder a Concetta Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.