1364: Esparguete com Camarão e Legumes Salteados

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 400 g de Mistura de Legumes para Saltear PD
– 300 g de esparguete
– 250 g de miolo de camarão
– 4 colheres de sopa de azeite
– 1 colher de sopa de alho picado congelado
– molho de soja q.b.
– ervas e especiarias para Massas q.b.
– 1 cubo Knorr Massas
– sal e pimenta de misturas q.b.

Preparação:

1.- Descongele o miolo de camarão. Leve um tacho com bastante água ao lume, tempere com uma pitada de sal, o cubo Knorr Massas, as ervas e especiarias para Massas, um fio de azeite e deixe ferver. Adicione o esparguete e deixe cozinhar durante 7 minutos. Retire do lume, escorra a água e reserve.
2.- Num tacho ao lume, deite o azeite, deixe aquecer, junte o alho e deixe alourar um pouco. Junte o miolo de camarão escorrido e deixe cozinhar durante 2 minutos, mexendo de vez em quando. Acrescente ao tacho a Mistura de Legumes, tempere com o molho de soja, uma pitada de sal e pimenta, mexa e deixe cozinhar durante 8 minutos, mexendo de vez em quando.
3.- Junte o esparguete aos poucos ao preparado do tacho e envolva até acabar. Sirva de imediato.

Reportagem:




Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada numa receita do Chefe Hernâni Ermida, publicada no Dica da Semana de 03/11/2011.
– Tempo: 35’ – Para 6 doses


© 29.Nov.2011

1363: Pescada à Algarvia

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 600 g de pescada para cozer PD
– 400 g de Mistura para Saltear PD
– 500 g e batatas para cozer
– 1 cebola
– pimentão doce q.b.
– 1,5 dl de azeite + 4 colheres de sopa
– salsa fresca picada q.b.
– molho de soja q.b.
– ervas e especiarias Margão para Filetes de Peixe q.b.
– alho congelado picado q.b.
– sal e pimenta de misturas q.b.

Preparação:

1.- Descongele a pescada, passe-a por água corrente e coloque as postas num tabuleiro refractário (*). Corte a cebola em rodelas finas. Tempere a pescada com sal, pimenta, distribua o alho e as rodelas de cebola por cima das postas, polvilhe-as com o pimentão-doce, a salsa picada e as ervas e especiarias para Peixes. Regue tudo com o azeite e reserve. Ligue o forno a 180ºC.
2.- Num wok ao lume, deite as colheres de azeite, deixe aquecer, junte o alho e deixe alourar um pouco. Adicione então a Mistura para Saltear, tempere com o molho de soja e deixe cozinhar até os legumes ficarem tenros mas rijos. Entretanto, coloque o tabuleiro com a pescada no forno e deixe cozinhar durante 25 minutos.
3.- Tire a casca às batatas e corte-as em cubos, coloque-as num recipiente de Pyrex sem água, tempere-as com uma pitada de sal e leve ao microondas (800W~12 minutos) para cozer. Quando terminar o tempo do forno, retire o tabuleiro sem desligar o forno, distribua os legumes salteados por entre as postas de pescada e leve de novo ao forno por mais 5 minutos.
4.- Retire o tabuleiro e leve-o à mesa para servir de imediato com a guarnição de batatas cozidas, regadas com o azeite quente.

Reportagem:






Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, dedicada ao meu saudoso Pai (Olhanense).
– (*) O facto de utilizar quase sempre tabuleiros refractários é porque este tipo de tabuleiro, composto de matéria refractária esmaltada, cozinha mais depressa os alimentos e conserva-os mais tempo quentes, depois de desligado o forno, em ordem aos vulgares Pyrex’s.


© 28.Nov.2011

1362: Frango Mornay

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes base:

– 800 g de batatinhas Primor PD
– 567 g de peito de frango (€ 3,68)
– ervas e especiarias Margão para Aves
– alho moído q.b.
– margarina q.b.
– 1 colher de sopa de massa de alho
– sal e pimenta de misturas q.b.

Ingredientes para o Molho Mornay:

– 50 g manteiga
– 2 colheres de sopa de farinha
– 200 ml de leite
– 200 ml de nata ligeira
– noz moscada q.b.
– queijo parmesão ralado q.b.
– sal e pimenta q.b.

Preparação da base:

1.- Coza as batatas no microondas, dentro da própria embalagem (800W~12 minutos) Reserve. Corte os peitos de frango em pedaços, tempere-os com sal, pimenta, alho moído e ervas e especiarias para Aves. Numa frigideira ao lume, deite a margarina, a massa de alho, deixe derreter e frite os pedaços de frango ao gosto. Retire e reserve. Ligue o forno a 180ºC.
2.- Coloque as batatas num tabuleiro, distribua os pedaços de frango por cima das batatas com o molho de fritar, cubra com o Molho Mornay e leve ao forno durante cerca de 25 minutos. Retire e sirva de imediato.

Preparação do Molho Mornay:

3.- Leve ao lume um tacho pequeno, deite a manteiga. Quando esta estiver derretida, junte a farinha, misture com as varas de silicone durante 1 minuto e depois deite o leite morno e as natas, mexendo de forma a não criar grumos.
4.- Quando o molho se apresentar denso e homogéneo, retire do lume, junte o sal, pimenta, noz moscada e o queijo ralado parmesão, envolva e utilize-o como menciona o ponto 2..

Reportagem:









Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada numa receita de Felícia Sampaio, Editora Culinária do Roteiro Gastronómico de Portugal.
– Tempo: 40′ – Para 6 doses.


© 25.Nov.2011

1361: Medalhões de Pescada com Queijos e Béchamel

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 800 g de Medalhões de Pescada (8 unid.)
– 500 ml de Béchamel
– 100 g de cebola congelada em cubos
– 1,5 dl de vinho branco
– sumo de limão q.b.
– alho moído q.b.
– 50 g de margarina
– queijo ralado Parmesão q.b.
– queijo ralado Mozzarella q.b.
– noz-moscada q.b.
– sal e pimenta de misturas q.b.
– 300 g de arroz carolino
– 200 g de ervilhas
– 7,5 dl de caldo a ferver
– 4 colheres de sopa de óleo alimentar
– 1 cubo Knorr de Galinha

Preparação:

1.- Descongele os Medalhões, coloque-os num tabuleiro refractário, tempere-os com sumo de limão, sal, pimenta, alho moído e regue com o vinho. Deixe marinar durante 30 minutos. Ligue o forno a 180ºC. Coza as ervilhas em água fervente temperada com sal, orégãos e manjericão, durante 7 minutos e reserve o caldo da cozedura.
2.- Prepare o arroz: num tacho ao lume, deixe aquecer o óleo com o cubo Knorr Galinha, deite o arroz, mexa até o arroz ficar quente e brilhante. Adicione 7,5 dl do caldo da cozedura, previamente coado, ao tacho, envolva no arroz com cuidado e aos poucos, tape o tacho e deixe cozinhar durante 15 minutos, mexendo de vez em quando. Quando o tempo estiver quase a terminar, adicione as ervilhas cozidas, envolva e deixe acabar o tempo. Retire do lume, tape o tacho e reserve.
3.- Voltando ao peixe: Depois de marinar, leve ao forno durante 15 minutos. Entretanto, num tacho ao lume, derreta a margarina e refogue nela a cebola até ficar macia. Se o Béchamel for de compra, aqueça-o um pouco e adicione-o ao refogado da cebola, envolvendo bem. Como faço sempre o Béchamel no robot TM31, no final adicionei o refogado da cebola e dei 30 Seg, Vel. 6-7.
4.- Retire o tabuleiro do forno, escorra o líquido da marinada, espalhe o Béchamel por cima dos medalhões, polvilhe com um pouco de noz-moscada, depois com uma ligeira camada de queijo ralado Parmesão e por último uma camada de queijo ralado Mozzarella. Leve ao forno a gratinar durante 20 a 30 minutos ou até ficar douradinho. Retire e sirva de imediato com a guarnição de Arroz gratinado com ervilhas.

Reportagem:







Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada e adaptada de uma receita de Felícia Sampaio, Editora Culinária do Roteiro Gastronómico de Portugal.
– Tempo: 60’ + 30’ marinar – Para 8 doses


© 23.Nov.2011

1360: Spaghettoni com Carne à Apok@lypsus

[Total: 0    Average: 0/5]

Esta receita resulta de uma noite de futebol (Manchester United – S.L. Benfica), em que o tempo é escasso dado o horário (19:45) do início do jogo (RTP 1). Assim, há que despachar a janta para estar pronta no intervalo.

Ingredientes:

– 400 g de Picado de Bovino (€ 1,99)
– 1 pacote de Spaghettoni (massa fresca com ovo) PD
– 50 g de margarina
– 3 colheres de sopa de molho Guloso à italiana
– ervas especiarias Margão para Bifes q.b.
– 1 colher de sopa de massa de alho
– 1 cubo Knorr Massas
– 1 pitada de cominhos
– molho Worcestershire q.b.
– sal e pimenta de misturas q.b.

Preparação:

1.- Numa panela com água ao lume, tempere com sal, um fio de azeite e o cubo Knorr Massas e deixe ferver. Introduza então a massa fresca e deixe cozinhar durante 7 minutos, mexendo de vez em quando. Escorra e reserve com a panela tapada.
2.- Num tacho ao lume, deite a margarina, deixe derreter, junte a massa de alho, envolva, deite a carne picada, tempere com sal, pimenta, ervas e especiarias para Bifes, uma pitada de cominhos, molho de Worcestershire e deixe cozinhar até ficar douradinha, mexendo regularmente. Junte o molho Guloso à italiana, envolva na carne e deixe cozinhar mais 3 minutos, mexendo de vez em quando.
3. Junte à carne a massa previamente escorrida e envolva tudo, mexendo sempre durante mais 3 minutos. Retire e sirva de imediato.

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.
– Tempo: 20′ – Para 5 doses


Em 22.Nov.2011

1359: Bifinhos de Peru Surpresa

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 484 g de bifes de peru (€ 3,83)
– 5 fatias de queijo fatiado Emmental
– 2 dl de caldo de galinha
– 1 colher de sopa de mostarda de Dijon
– 50 g de margarina
– 1 cálice de vinho do Porto
– 200 ml de natas com Cogumelos Porcini (Parmalat)
– molho inglês q.b.
– alho moído q.b.
– ervas e especiarias Margão para Aves q.b.
– sal e pimenta de misturas q.b.

Preparação:

1.- Corte os bifes (se estes forem grandes) e tempere-os com sal, pimenta, alho moído, ervas e especiarias para Aves e coloque-os uns por cima dos outros. Reserve. Prepare o caldo de galinha.
2.- Entretanto, prepare o puré de batata de acordo com o mencionado na embalagem. Coloque uma fatia de queijo em cima de cada bife, enrole muito bem e prenda com 2 ou 3 palitos de madeira para não se soltarem.
3.- Num tacho largo ao lume, coloque a margarina, deixe derreter e cozinhe os bifes, virando-os para ficarem por igual. Adicione então a mostarda e envolva-a bem no molho. Junte o vinho do Porto, deixe ferver, misturando bem a mostarda com o vinho. Tempere com umas gotas de molho Inglês, adicione o caldo de galinha previamente preparado e deixe cozinhar durante 5 minutos.
4.- Junte as natas, mexa até dissolvê-las no restante molho e deixe ferver, em lume médio, até o molho engrossar. Retire do lume, coloque os bifinhos numa travessa, regue com o molho e sirva de imediato com a guarnição de puré de batata.

Reportagem:






Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada e adaptada de uma receita publicada no Web Site http://saborintenso.com.
– Tempo: 30’ – Para 4 doses


© 21.Nov.2011

1358: Ragu de Peru à Italiana

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 464 g de bife de peru (€ 3,24)
– 1 dl de vinho branco
– 8 colheres de sopa de Molho q.b. Guloso à Italiana
– 4 colheres de sopa de azeite
– ½ lt. de caldo de carne
– 1 cubo Knorr Carne
– 2 folhas de louro
– 2 colheres de sopa de salsa fresca picada
– ervas e especiarias Margão para Aves
– alho moído q.b.
– sal e pimenta de misturas q.b.

Preparação:

1.- Corte os bifes em tiras, tipo Strogonoff, tempere-os com sal, pimenta, alho moído e ervas e especiarias Margão para Aves e reserve.
2.- Num tacho ao lume, deite o azeite, as folhas de louro, deixe aquecer e salteie as tiras de peru, entretanto polvilhadas com a salsa picada, até ficarem lourinhas. Regue com o vinho, continue a mexer até este se evaporar.
3.- Logo levante fervura, adicione o molho Guloso à Italiana, o caldo de carne previamente preparado com 1 lt. de água e o cubo Knorr Carne (utilize apenas ½ litro) e a ferver, tape o tacho e deixe cozinhar durante cerca de 15 minutos. Rectifique temperos, se necessário.
4.- Como guarnição, aproveitei esparguete cozido da refeição anterior, retirei com uma espumadeira as tiras de peru do tacho para uma travessa com um pouco do molho e coloquei no tacho o esparguete com o molho restante, mexendo sempre até levantar fervura. Retirar e servir de imediato.

Reportagem:







Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada e adaptada de uma receita da marca de produtos Guloso.
– Tempo: 60’ – Para 5 doses

Ragu – Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ragout’’ ou ‘ragu‘ é um tradicional molho à base de carne cozida, uma tradição de origem italiana (porém, o nome ragôut é de origem francesa) usado na culinária brasileira, principalmente paulista de origem italiana. É um tempero para massas, o dito molho da “mamma” para macarronada de domingo.
Duas são as variantes principais, mais conhecidas:
Napoletano – diferentes carnes cozinhadas em fogo médio durante horas, extracto de tomate, azeite, cebola, vinho tinto, água – usado em rigatoni ou fusilli com queijo parmesão. A carne é servida separada, em porções, é o bracciole al ragu.
Bolognese ou Emiliano – carne moída, picada ou desfiada com tomate – usado em fettuccine e pappardelle.
Há outros tipos, também italianos na origem: ‘’Sardo, Piemontese, Lucano (alla potentina), Abruzzese, Barese (de macellaio), alla Calabese, etc. e alguns especiais: di seppe (lula; di gambere (camarão); de vongole até de soja.
Teria sido uma criação francesa do século XVII, feita com carnes, aves, caça, peixe, sendo uma guarnição ou mesmo recheio para vol-au-vent, pastéis, empadas. Há também duas receitas muito antigas e tradicionais a base de carne de cordeiro com nabo, cebola, batata: haricot de mouton e o Navarin


© 20.Nov.2011

1357: Empadão de Paloco com Vegetais

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 400 g de filetes de bacalhau seco salgado
– 200 g de flocos para puré de batata
– 2 cebolas
– 1 colher de sopa de alho picado congelado
– 1 cenoura grande
– 300 g de alho francês cortado para sopas (PD)
– 4 colheres de sopa de mayonnaise
– 4 claras
– 1 dl de azeite
– leite para o puré q.b.
– 1 cubo Knorr Mariscos
– manteiga para o puré q.b.
– noz-moscada q.b.
– sal e pimenta de misturas q.b.

Preparação:

1.- Demolhe os filetes de bacalhau de véspera, passando-os por várias águas. No dia, lasque-o grosseiramente e reserve. Descasque as cebolas e corte-as em meias-luas finas. Descasque a cenoura e ripe-a.
2.- Coloque ao lume um tacho com o azeite, deixe aquecer, junte a cebola e o alho e deixe cozinhar até a cebola ficar macia. Adicione o alho francês, a cenoura e deixe cozinhar, em lume brando, durante 5 minutos, mexendo sempre. Junte o bacalhau lascado, o cubo Knorr Mariscos, misture tudo e deixe cozinhar mais 5 minutos. Adicione duas colheres de mayonnaise, envolva no preparado e desligue o lume.
3.- Ligue o forno a 180ºC. Prepare o puré de batata de acordo com as indicações da embalagem. Deite metade do puré na base de um tabuleiro refractário, espalhe por cima o preparado do bacalhau e cubra com o restante puré.
4.- Batas as claras em castelo com uma pitada de sal até ficarem bem solidificadas. Junte as restantes duas colheres de mayonnaise e misture delicadamente. Deite por cima do puré de batata e leve ao forno durante 20 minutos ou até ficar douradinho ao gosto. Retire do forno e sirva de imediato.

Reportagem:










Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada e adaptada de uma receita do Chefe Hernâni Ermida, publicada no Jornal Dica da Semana de 17/11/2011.
– Tempo: 60’ – Para 7 doses


© 17.Nov.2011

1356: Rico Arroz de Mariscos dos Pobres

[Total: 0    Average: 0/5]

Estranho título para uma receita? Estranhos são os tempos que correm, onde os pobres são roubados à grande, à descarada e à Portuguesa! (uf! já desabafei…!)

Mas eu explico porque dei este título a esta receita, em geito de trocadilho, que já foi preparada várias vezes (aqui em casa adoramos Arroz de Mariscos) mas sempre de modos diferentes. Esta é a 6ª. versão… Mas vamos às explicações: “Rico” porque ficou delicioso e faz jus ao termo “Ai que rico arroz…”; “dos Pobres”, porque não foram reforçadas as doses de camarão, mexilhão, amêijoa que normalmente costumo utilizar (por isso o meu desabafo acima…)., dado que o orçamento encolheu e já se encontra numa fasquia mais baixa e que não permite o “luxo” de ser alambazado na mariscada.

Esta embalagem de Preparado de Marisco do Pingo Doce (passe a publicidade que não me pagam para isso), embora necessite dos tais reforços de marisco adicionais para constituir um “robusto” Arroz de Mariscos, já satisfaz quando inserida nesta classe dos “pobres”… E como poderão constatar (deu-me mais tempo a recolher os preços dos ingredientes pelos talões de compra que guardo religiosamente no meu arquivo, que a própria receita), € 1,11 por pessoa é actualmente mesmo comida de pobre… Mas tem marisco, gaita!

Ingredientes:

– 800 g de Preparado de Marisco Pingo Doce (€ 4,99)
– 200 g de arroz (€ 0,14)
– 1 litro de caldo da cozedura do marisco
– 3 colheres de sopa de polpa de tomate (€ 0,25)
– 100 g de cebola congelada cubos (€ 0,12)
– 50 g de margarina (€ 0,15)
– 4 colheres de sopa de azeite (€ 0,27)
– 1 colher de sopa (10 g) de alho congelado picado (€ 0,10)
– 1 colher de sopa de coentros frescos picados (€ 0,12)
– 1 dl de vinho branco (€0,13)
– 1 colher de chá de Açafrão das Índias (€ 0,03)
– 1 cubo Knorr Mariscos (€ 0,18)
– sal e pimenta de misturas q.b. (€ 0,20)

Preparação:

1.- Descongele o preparado de marisco, coloque-o num passador e deixe correr água por cima. Leve uma panela com água ao lume, deite o marisco, tempere com um pouco de sal, o cubo Knorr Mariscos e deixe cozinhar até ferver. Retire, escorra o marisco para um recipiente e reserve o caldo da cozedura.
2.- Num tacho ao lume, deite a margarina, o azeite, deixe derreter, junte a cebola e o alho e deixe alourar um pouco sem excesso. Adicione o caldo previamente coado, o vinho, a polpa de tomate e deixe levantar fervura. Adicione então o arroz, o açafrão, mexa e deixe cozinhar durante 12 minutos, mexendo de vez em quando.
3.- Junte o marisco ao tacho do arroz, os coentros, rectifique temperos e deixe cozinhar mais 3 minutos, mexendo de vez em quando. Retire o tacho do lume, tape e deixe em repouso durante 5 minutos. Sirva de seguida.



Reportagem:







Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.
Total da refeição (ingredientes): € 6,68 (€ 1,11/pax)
– Tempo: 45’ – Para 6 doses


© 12.Nov.2011

 

1355: Lulas Gratinadas no Forno com Béchamel

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 1 kg de lulas limpas
– 600 ml de Béchamel (*)
– 1 dl de azeite
– 40 g de margarina
– 1 lata de tomate triturado com Ervas (400g)
– 1 cubo Knorr Peixes
– 1 dl de vinho branco
– 100 g de cebola congelada em cubos
– 2 colheres de sopa de alho congelado picado
– piripiri q.b.
– sumo de limão q.b.
– queijo ralado da Ilha q.b.
– sal e pimenta de misturas q.b.

Preparação:

1.- Descongele as lulas, passe-as por água corrente e corte-as em tiras, aproveitando as cabeças (se gostar) e deixe escorrer. Coloque-as num recipiente e tempere-as com sal, pimenta de moinho, piripiri e sumo de limão. Reserve.
2.- Num tacho ao lume, deite o azeite, a margarina, deixe derreter, junte o cubo Knorr Peixes e refogue a cebola e o alho até ficarem macios. Adicione a lata de tomate, mexa e deixe cozinhar durante 5 minutos, mexendo de vez em quando. Junte o vinho, as lulas, envolva e deixe cozinhar mais 15 minutos, mexendo de vez em quando. Adicione metade do molho Béchamel e envolva. Retire do lume.
3.- (*) Prepare o molho Béchamel (se não o comprou feito, neste caso, 500 ml) com 600 ml de leite, 70 g de farinha, 40 g de margarina, no copo do robot TM31, tempere com sal, pimenta e noz-moscada e programe 8 Min., Temp. 90ºC, Vel. 4.
4.- Deite as lulas para um tabuleiro refractário, verta o restante Béchamel por cima, sem mexer, polvilhe com o queijo ralado e leve a gratinar ao forno durante 25 a 30 minutos. Retire do forno e sirva com uma guarnição de arroz Basmati.

Reportagem:







Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.
– Tempo: 60’ – Para 7 doses


© 09.Nov.2011