1303: Bifinhos de Frango com Ervas Aromáticas

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 409 g de bifes de frango (€ 2,45)
– 2 colheres de Molho Worcestershire
– 2 colheres de Molho de Soja
– alho moído q.b.
– 1 colher de chá de folhas de Manjericão
– ervas e especiarias Margão para Aves q.b.
– sal e pimenta de misturas q.b.
– vinho branco q.b.
– 2 colheres de sopa de margarina Vaqueiro líquida

Preparação em Forno Convector de Halogéneo:

1.- Corte os bifes de frango em pedaços mais pequenos e finos e reserve. Deite para um recipiente o sal, pimenta, ervas e especiarias para Aves, alho moído, molho de soja, molho Worcestershire, manjericão, mexa com uma colher e deite os bifes neste molho, envolvendo-os com uma colher até ficarem todos temperados. Leve o recipiente ao frigorífico e deixe repousar durante 30 minutos.
2.- Para a guarnição, preparei 500 g de Linguine n.11 da Panzani no robot TM31. Enquanto a massa cozinha, retire os bifes do frigorífico, coloque-os no prato antiaderente do forno convector de halogéneo, previamente untado com a margarina líquida, deite por cima o líquido da marinada, coloque-os na taça do forno e programe 175ºC., durante 20 minutos (estes valores podem variar devida à potência de cada forno deste tipo).
3.- Retire o prato do forno, leve à mesa e sirva de imediato com a guarnição de Linguine.

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.
– Tempo: 30’ + 30’ marinar – Para 6 doses

Reportagem:






© 29.Jun.2011

[SlideDeck id=’4768′ width=’100%’ height=’370px’]

1302: Peito de Frango com Ervas Aromáticas

[Total: 0    Average: 0/5]

Não é propriamente uma receita mas uma experiência que efectuei com ervas aromáticas para tempero dos peitos de frango que entretanto transformei em bifes. No tempero dos bifes foram utilizados além do sal, pimenta de misturas moída na altura, alho moído, ervas e especiarias Margão para Aves (cebola, paprika, coentros, pimento vermelho, chalota, gengibre, fibra de trigo, estragão e alho) e Tempero para Saladas Knorr Manjericão e Orégãos (tomilho, manjericão, salsa, orégãos, alho, cebola, tomate, mostarda e especiarias).

O resultado foi excelente, os bifes foram cozinhados em margarina Vaqueiro Clássico, borrifados com vinho branco quase no final e adicionei um pouco de leite meio gordo. A guarnição foi um Arroz de Açafrão feito no robot TM 31.


– No final da preparação dos bifes


© 26.Jun.2011

[SlideDeck id=’4768′ width=’100%’ height=’370px’]

1301: Peito de Frango com Cogumelos e Natas

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 512 g de peito de frango (3 unid.) (€ 3,06)
– 316 g de cogumelos brancos (€ 1,58)
– 200 ml de natas com cogumelos Porcini da Parmalat (€ 0,79)
– 50 g de margarina Vaqueiro Clássico (€ 0,09)
– 1 colher de azeite
– 2 colheres de sopa de vinho branco
– 100 g de cebola congelada em cubos
– 1 colher de sopa de alho picado congelado
– molho de soja q.b.
– ervas e especiarias Margão para Aves q.b.
– alho moído q.b.
– sal e pimenta de misturas q.b.

Preparação:

1.- Corte os peitos de frango em pedaços pequenos, tempere-os com sal, pimenta, alho moído, ervas e especiarias para Aves e reserve. Lave e corte os cogumelos em quartos e meios-quartos, coloque-os num passador e passe-os novamente por água corrente. Escorra e reserve. Frite as batatas (Actifry ~ 27 minutos).
2.- Coloque ao lume um tacho com a margarina e o azeite, deixe derreter, junte a cebola e o alho picado e deixe alourar. Adicione os pedaços de frango e os cogumelos, tempere com o molho de soja, o vinho, envolva e deixe saltear durante 10 minutos, em lume médio, mexendo de vez em quando.
3.- Junte as natas com cogumelos Porcini, envolva e deixe cozinhar durante mais 10 minutos, mexendo de vez em quando.
4.- Retire do tacho para uma travessa e sirva de imediato com a guarnição de batata frita.

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.
– Tempo: 40’ – Para: 4/5 doses

Reportagem:







© 25.Jun.2011

[SlideDeck id=’4768′ width=’100%’ height=’370px’]

1300: Quiche de Fiambre com Legumes

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 1 rolo de massa quebrada de compra
– 60 g de margarina Vaqueiro Clássico
– 50 g de cebola em cubos congelada
– 210 g de cogumelos Portobello pequenos (€ 1,25)
– 242 g (uma fatia) de fiambre cortado com fio 9 (€ 1,26)
– 200 g de vegetais chineses PD
– 150 g de milho (1 lata pequena) PD
– 200 ml de natas light PD
– 4 ovos
– molho de soja q.b.
– sal e pimenta de misturas

Preparação:

1.- Forre uma tarteira com a massa sobre o papel vegetal que a acompanha, apare os bordos e pique o fundo com um garfo. Numa wok, deite a margarina, deixe derreter, junte a cebola e deixe refogar até ficar macia. Lave e corte os cogumelos em quartos, escorra-os, junte-os à cebola na wok, tempere com o molho de soja, a pimenta e deixe saltear até ficarem macios, mexendo de vez em quando. Ligue o forno a 180ºC.
2.- Corte a fatia de fiambre em cubos pequenos, adicione-os ao wok assim que os cogumelos estiverem salteados, envolva, adicione de seguida os vegetais previamente passados por água corrente e escorridos, o milho, misture tudo muito bem e deixe cozinhar durante 5 minutos, mexendo de vez em quando.
3.- Num recipiente, bata os ovos com a ajuda de uma vara de arames, adicione as natas, bata de novo até homogeneizar a mistura, tempere com sal e pimenta de misturas.
4.- Retire a wok do lume, verta nela o preparado dos ovos, envolva bem e deite sobre a massa na tarteira. Leve ao forno durante cerca de 30 minutos ou até ficar douradinho por cima. Retire do forno, deixe arrefecer um pouco, passe a quiche para um prato e sirva com uma guarnição a gosto.

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.
– Tempo: 55’ – Para: 6 doses

Reportagem:









imagens: Nikon Coolpix L120
© 23.Jun.2011

[SlideDeck id=’4768′ width=’100%’ height=’370px’]

1299: Bacalhau no Buraco com Marisco e Béchamel

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 400 g de filetes de bacalhau
– 300 ml de Béchamel
– 300 g de miolo de amêijoa zebra
– 500 g de miolo de camarão 100/200
– 200 g de flocos de batata para puré Jerónimo (PD)
– 4,5 dl de leite
– 7,5 dl de água
– 40 g de margarina Vaqueiro Clássico
– noz-moscada q.b.
– 1 dl de azeite
– 2 cebolas grandes
– sal e pimenta de misturas q.b.

Preparação:

1.- Coza o miolo de camarão e a amêijoa em água temperada com sal. Escorra e reserve. Coza à parte o bacalhau em água fervente durante 10 minutos, escorra e lasque-o em pedaços pequenos.
2.- Para o puré de batata: leve um tacho ao lume com a água e deixe ferver, juntamente com a margarina. Retire do lume, adicione o leite frio e a noz-moscada, misture e de seguida deite os flocos de batata, deixando repousar uns segundos. Com a ajuda de uma colher de pau, misture tudo até obter a consistência do puré de batata. Ligue o forno a 180ºC.
3.- Leve ao lume uma frigideira com o azeite, deixe aquecer, deite a cebola cortada em meias-luas finas e deixe alourar. Unte um tabuleiro refractário ou Pyrex com um pouco de azeite da frigideira e deite uma camada de metade da cebola no fundo do mesmo, por cima o bacalhau lascado, depois a amêijoa, o camarão, a restante cebola e regue com o resto do azeite da frigideira.
4.- Com a ajuda de um saco de pasteleiro com bico em estrela largo, faça uma bordadura em redor do tabuleiro e uns pontos ao meio conforme imagem. Verta o Béchamel por cima, leve ao forno durante cerca de 30 minutos para gratinar. Retire e sirva de imediato.

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada e adaptada de uma receita de Felícia Sampaio, Editora de Culinária do Roteiro Gastronómico de Portugal.
– Tempo: 65’ – Para: 6 doses

Reportagem:







© 21.Jun.2011

[SlideDeck id=’4768′ width=’100%’ height=’370px’]

1298: Medalhões de Novilho ao Molho de Nata

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 2 medalhões de novilho angus alcatra (580 g) (€ 5,78)
– 200 ml de nata light PD
– 1 dl de vinho branco
– 0,5 dl de caldo de carne (*)
– 1 cubo Knorr Carne (*)
– 1 lt de água (*)
– 2 colheres de sopa de mostarda
– 2 colheres de sopa de azeite
– 2 colheres de sopa de salsa fresca picada
– ervas e especiarias Margão para Bifes q.b.
– alho moído q.b.
– sal e pimenta de misturas q.b.

Preparação:

1.- Dado estes medalhões serem bastante grossos, cortei-os ao meio no sentido longitudinal, perfazendo 4 unidades. Tempere os medalhões com sal, pimenta, alho moído, ervas e especiarias para Bifes, barre-os com a mostarda e leve ao frigorífico, cobertos com película, durante 30 minutos. Prepare o caldo de carne levando ao lume um tachinho com 1 lt de água e o cubo Knorr Carnes, deixe ferver, mexendo até dissolver. Reserve o caldo.
2.- Leve ao lume e aqueça uma frigideira grande anti-aderente, em lume alto, durante 5 minutos. Regue com o azeite e quando aquecer, cozinhe os medalhões, de ambos os lados, ao gosto (mal ou bem passados). Retire os medalhões da frigideira e coloque-os numa travessa em local aquecido.
3.- Na mesma frigideira, junte o vinho e o caldo de carne (0,5 dl), deixe reduzir, em lume brando, até metade, adicione a nata, mexa sempre até envolver e deixe ferver até obter um molho cremoso. Junte a salsa picada, mexa e regue os medalhões com este molho.
4.- Sirva de imediato com uma guarnição de puré de batata ou Batata Duchesse.

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada e adaptada de uma receita de Felícia Sampaio, Editora de Culinária do Roteiro Gastronómico de Portugal.
– Tempo: 30’ + 30’ frio – Para: 4 doses

Reportagem:







© 19.Jun.2011

[SlideDeck id=’4768′ width=’100%’ height=’370px’]

1297: Arroz de Lulas e Camarão

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 800 g de lulas limpas
– 300 g de arroz Basmati
– 500 g de miolo de camarão 100/200
– 200 g de cebola congelada em cubos
– 1 colher de sopa de alho congelado
– 50 g de margarina Vaqueiro Clássico
– 2 colheres de sopa de azeite
– 400 ml (1 lata pequena) de tomate triturado com manjericão (Auchan)
– 2 colheres de sopa de salsa fresca picada
– 1 cubo Knorr Peixes
– 6 dl de água (a ferver)
– pimenta de misturas q.b.

Preparação:

1.- Descongele as lulas, passe-as por água corrente, retire as cabeças e corte os sacos em argolas. Aproveite as cabeças (se gostar) cortando-as junto à base dos tentáculos. Num tacho anti-aderente ao lume, deite a margarina e o azeite, deixe derreter e refogue a cebola e o alho até ficarem dourados. Adicione as lulas escorridas, o cubo para Peixes e deixe saltear durante 15 minutos com o tacho tapado, mexendo de vez em quando. Lave e escorra o arroz num passador de rede. Reserve.
2.- Adicione a lata de tomate, a salsa, tempere com a pimenta moída na altura, envolva tudo, tape novamente o tacho e deixe cozinhar em lume brando durante 15 minutos. Deite a água a ferver no tacho e assim que retomar fervura, introduza o arroz, envolva, deite o miolo de camarão, envolva de novo, tape o tacho e deixe cozinhar durante 15 minutos, mexendo frequentemente.
3.- Retire do lume, mexa com a ajuda de uma colher de pau, tape o tacho e deixe repousar durante 5 minutos. Sirva de seguida.

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus.
– Tempo: 70’ – Para: 6 doses

Reportagem:







© 18.Jun.2011
[SlideDeck id=’4768′ width=’100%’ height=’370px’]

1296: Hambúrgueres no Espeto com Molho Strogonoff

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 4 hambúrgueres de Porco (460 g) (€ 1,99)
– 250 g de cogumelos brancos laminados (€ 1,50)
– 200 ml de natas com Cogumelos Porcini da Parmalat
– 1 colher de sopa de mostarda de Dijon original
– 3 colheres de sopa de ketchup Calvé
– 1 dl de vinho branco Monte Velho
– 50 g de margarina Vaqueiro Clássico
– 3 colheres de sopa de óleo alimentar
– sal e pimenta de misturas q.b.
– ervas e especiarias Margão para Bifes
– alho moído q.b.
– salsa picada q.b.
– 4 espetos de madeira para espetadas

Preparação:

1.- Tempere os hambúrgueres com sal, pimenta, ervas e especiarias para bifes, alho moído, faça um rolo de cada um e reserve.
2.- Numa frigideira ao lume, deite o vinho e os cogumelos e deixe cozinhar durante 4 minutos, mexendo de vez em quando. Adicione a mostarda, o ketchup, as natas e mexa sempre até ferver. Rectifique temperos e deixe cozinhar até obter um molho cremoso. Retire para um recipiente e deixe em lugar aquecido.
3.- Na mesma frigideira, deite a margarina e o óleo, deixe aquecer bem, coloque os rolos e deixe-os fritar até ficarem dourados, rolando-os frequentemente para cozinharem por igual. Retire da frigideira para uma travessa e coloque os espetos em cada um deles.
4.- Sirva de imediato, regando os rolos de hambúrguer com o molho Strogonoff e polvilhando com salsa picada.

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada e adaptada de uma receita do Chefe Hernâni Ermida, publicada no Jornal Dica da Semana de 16.Jun.2011.
– Tempo: 30’ – Para: 4 doses

Reportagem:






© 16.Jun.2011

[SlideDeck id=’4768′ width=’100%’ height=’370px’]

1295: Caracóis à Portuguesa

[Total: 0    Average: 0/5]

Estamos na época dos Santos Populares e embora o tempo seja de crise, ainda não dá para vê-la ao nosso lado.

Por isso e enquanto puderem ir comprando uns extras, aqui fica uma receita de Caracóis à Portuguesa:

Ingredientes:

– 1 kg de caracóis
– 80 g de alho
– 60 g de cebola
– 2 cubos de caldo de galinha
– piripiri q.b.
– uma pitada de cominhos
– Orégãos em rama (ou em folhas) q.b.
– sal q.b.

Preparação:

1.- Lave bem os caracóis em água corrente antes de começarem a ser cozinhados. Certifique-se de que todos os animais estão vivos antes de os meter no tacho.
2.- Coloque-os num tacho largo e cubra-os com água até uma altura de dois dedos acima do nível dos caracóis. Deixe-os durante dez minutos até saírem todos da casca. Inicie a cozedura em lume brando, sem os temperos, que só deve adicionar depois de os caracóis terem morrido.
3.- Após colocar todos os ingredientes, deixa-se cozinhar até levantar fervura. O molho só deve ferver durante três a quatro minutos. Os orégãos em rama são mergulhados durante a fervura e retirados mal se apaga o lume. Deve deixar os caracóis a repousar durante dez minutos antes de servir.

Nota do Apok@lypsus:

– Fiz acompanhar estes caracóis com um branco Monte Velho da Herdade do Esporão, bem fresco.

Bom apetite!

Mini Reportagem:


© 13.Jun.2011

[SlideDeck id=’4768′ width=’100%’ height=’370px’]

1294: Empadão de Bacalhau

[Total: 0    Average: 0/5]

Ingredientes:

– 400 g de Filetes de Paloco do Pacífico (bacalhau)
– 200 g de flocos para puré de batata Jerónimos
– 4,5 dl de leite
– 7,5 dl de água
– 200 ml de molho de nata para bacalhau e outros peixes Mimosa
– 0,5 dl de azeite
– 2 cebolas grandes
– 1 colher de sopa de alho picado congelado
– 400 g de cenoura parisiense
– 2 gemas de ovo + 2 ovos
– 400 g de folhas de espinafres congeladas
– 80 g de margarina Vaqueiro Clássico
– noz-moscada q.b.
– queijo da Ilha curado ralado q.b.
– sal e pimenta de misturas q.b.

Preparação:

1.- Demolhe o bacalhau de um dia para o outro e no dia escalde-o em água a ferver. Desfaça-o depois em lascas. Reserve. Coza as folhas de espinafre isoladamente durante 7 minutos em água a ferver temperada com uma pitada de sal. Escorra bem e reserve. Coza as cenouras parisienses juntamente com os ovos, durante 7 minutos depois da água estar a ferver. Escorra e reserve.
2.- Numa frigideira, deite o azeite, deixe aquecer, junte a cebola cortada em meias-luas finas e o alho e deixe refogar bem. Junte depois o bacalhau lascado, tempere com pimenta moída na altura, envolva e deixe refogar mais um pouco. Retire do lume e reserve. Ligue o forno a 180ºC.
3.- Para o puré de batata: leve a ferver os 7,5 dl de água juntamente com a margarina, retire do lume, tempere com noz-moscada, junte os 4,5 dl de leite frio, envolva e adicione os flocos, deixando repousar uns segundos. Mexa bem com a colher de pau, deite as gemas de ovo e as natas, envolva tudo muito bem e reserve.
4.- Num tabuleiro de ir à mesa e de forno, deite uma camada de puré no fundo. Por cima, uma camada do refogado de bacalhau, depois uma de espinafres, uma de cenouras parisienses e os ovos cozidos cortados às rodelas. Volte a colocar outra camada de refogado de bacalhau, uma de espinafres, uma de cenoura parisiense e cubra com o resto do puré de batata. Polvilhe com o queijo ralado e leve ao forno a gratinar durante cerca de 30 minutos. Retire e sirva de imediato.

Nota do Apok@lypsus:

– Uma preparação Apok@lypsus, baseada e adaptada de uma receita publicada por Felícia Sampaio, Editora Culinária do Roteiro Gastronómico de Portugal.
– Tempo: 70’ – Para: 6 doses

Reportagem:










© 12.Jun.2011

[SlideDeck id=’4768′ width=’100%’ height=’370px’]