185: Remédio elimina sinais de doença em leucemias graves

 

Ensaios clínicos que estão a ser realizados nos Estados Unidos e em França obtiveram resultados muito positivos. Mecanismo inovador faz que as células se regenerem e retomem função normal.

dn25092014Um medicamento que está a ser testado em França e nos Estados Unidos eliminou na totalidade os sinais da doença em várias pessoas com leucemia mieloide aguda, uma das mais graves, e que têm uma mutação no gene IDH-2, em pouco tempo.

Até agora, mais de metade dos doentes envolvidos no ensaio recuperaram total ou parcialmente ao fim de poucos meses, nalguns em três ou quatro semanas.

Leia mais pormenores no e-paper do DN.

In Diário de Notícias online
25/09/2014
por Diana Mendes

184: Este fim de semana caminhe pelo Alzheimer

 

No nosso país há 182 mil pessoas a sofrer de demência. Numa iniciativa de sensibilização e de angariação de fundos para uma doença que afecta um número cada vez mais de pessoas, a associação Alzheimer promove este fim-de-semana em 15 cidades o “Passeio da Memória”.

expresso18092014“Não é uma corrida, é uma caminhada solidária, de sensibilização e de angariação de fundos”, referiu ao Expresso Tatiana Nunes, da Alzheimer Portugal, sobre o “Passeio da Memória” que a associação promove este fim de semana em 15 cidades portuguesas.

No sábado a iniciativa decorre em Beja, domingo (Dia Mundial da Doença de Alzheimer) em Aveiro, Barreiro, Braga, Campo Maior, Fafe, Funchal, Lagos, Matosinhos, Oeiras, Pombal, Portimão, Viana do Castelo, Viseu e Angra do Heroísmo.

A associação Alzheimer inaugurou este ano em Cascais o único lar português dedicado especificamente a pessoas que sofrem da doença, no local onde já funcionava o centro de dia Casa do Alecrim. A associação tem ainda outros centros de dia em Lisboa, Matosinhos e Pombal, onde, para além da assistência, fornecem indicações para quem tem de lidar com esse tipo de situação.

Estilos de vida e envelhecimento da população

Os estilos de vida sedentários e o envelhecimento da população contribuem para que o número de pessoas com demência esteja a aumentar no nosso país, afectando actualmente cerca de 182 mil pessoas, segundo refere Tatiana Nunes, alertando para a urgência de que Portugal criasse um plano nacional para as pessoas com demência, seguindo o exemplo de outros países.

“A generalidade (das pessoas com demência) está em casa ou em instituições não especializadas, mas necessitam de cuidados diferentes, de outro tipo de estímulo”, explica a Relações Públicas da associação.

O “Passeio da Memória” decorre pelo quarto ano consecutivo, pretendendo consciencializar as pessoas da importância de comportamentos que reduzam o risco de desenvolver a demência, assim como os sinais de alerta do Alzheimer que permitam um diagnóstico atempado.

As inscrições têm o valor de dois euros, que revertem na totalidade para o financiamento da Alzheimer Portugal.

Rita Blanco, Fátima Belo e Ana Zanatti participam em Oeiras, Filipe Pinto em Matosinhos e Luís Filipe Borges em Angra do Heroísmo.

In Expresso online
Alexandre Costa
8:00 Quinta feira, 18 de Setembro de 2014

183: Quando o seu filho sustém a respiração sabe porque é? (vídeo)

 

Os motivos podem ser muitos mas, neste vídeo em particular, a razão é muito específica. Nele, vemos uma criança a praticar suster a respiração por longos períodos de tempo. No início, parece ser apenas aborrecimento ou brincadeira de criança. A verdadeira razão é revelada no final. São apenas 60 segundos.

O vídeo foi realizado pela Havas Worlwide de Helsínquia – direcção criativa de Marko Vuorensola, direcção de arte de Jon Gustavson e copy de Marko Vuorinen – para passar uma importante mensagem.

Mais sobre a campanha pode ser encontrado no site http://www.ashbabies.fi

In TSF online
Publicado 12/09/2014 às 22:35

182: Beba água às refeições

 
O papel fundamental que a água desempenha nos mais diversos sistemas do nosso organismo e na manutenção de funções vitais é do senso comum. Contudo, não é raro serem detetados sinais claros do estado de desidratação, especialmente em populações idosas e crianças.

O papel fundamental que a água desempenha nos mais diversos sistemas do nosso organismo e na manutenção de funções vitais é do senso comum. Contudo, não é raro serem detectados sinais claros do estado de desidratação, especialmente em populações idosas e crianças.

Sabia que está comprovado que as pessoas bebem mais água quando esta tem algum sabor? E que o envelhecimento tende a dissociar a sensação de sede do nível de líquidos no organismo, facto que leva adultos mais velhos a desidratar sem darem conta?

O RITUAL: Por regra, acompanhe as suas refeições principais com água, incluindo os vários tipos de água com sabores disponíveis, em vez de bebidas alcoólicas ou refrigerantes, que reserva apenas para as ocasiões especiais.

O papel fundamental que a água desempenha nos mais diversos sistemas do nosso organismo e na manutenção de funções vitais é do senso comum. Contudo, não é raro serem detectados sinais claros do estado de desidratação, mesmo que a níveis sub clínicos – especialmente em populações idosas e crianças. Isto pode e deve ser evitado pois é causa de pior qualidade de vida, traduzida em cansaço prematuro, dores de cabeça, pele seca e cieiro, entre outros sintomas que às vezes se atribuem a outros factores.

Nem sempre a implementação de estratégias para a ingestão de vários copos de água ao longo do dia resulta. Ora porque o transporte de água para o trabalho é esquecido, ora porque os muitos afazeres desviam a atenção da necessidade de ingestão de água, ora porque…, a realidade é que muitas pessoas têm episódios frequentes de sede, um dos sintomas a evitar. As refeições são por isso uma oportunidade ideal para se hidratar, mas não às custas da ingestão excessiva de álcool ou açúcar.

Assim, o ritual que lhe propomos é adoptar a ingestão habitual de água à refeição. Pense que ao ingerir dois copos de água a cada uma das principais refeições, bem como um copo de água ao acordar e outro ao deitar, terá obtido uma parte significativa das recomendações diários de líquidos, que rondam entre 1,5-2 litros por dia.

A CONSIDERAR:

  • Se não aprecia beber água natural às refeições, experimente adicionar-lhe algumas gotas de limão, chá, ou beber águas com sabor! Conseguirá bebidas saborosas com poucas ou nenhumas calorias.
  • Varie o tipo de águas e varie entre água da torneira e águas minerais naturais engarrafadas, não só pela variedade de minerais mas também pela variedade de sabores – todas sabem diferente.
  • Experimente filtros de água disponíveis no mercado, desde as versões portáteis (em recipientes próprios) até às que se instalam nas torneiras da cozinha – vai surpreender-se com a melhoria no sabor e evitar alguns poluentes correntes na água canalizada.
  • Se não deseja abdicar dos refrigerantes, aprecie-os mas escolha versões sem calorias (com edulcorantes, também conhecidos por adoçantes).
  • Ou, para as versões calóricas de refrigerantes ou sumos (que muitas vezes são demasiado doces) opte por diluí-los em água, fazendo “render” uma bebida para duas pessoas!

In Rituais

181: Falta de sono pode encolher o cérebro, mostra estudo

 

A falta de sono pode fazer o cérebro encolher, aponta um estudo da Universidade de Oxford, no Reino Unido, envolvendo 147 adultos entre 20 e 84 anos.

dd08092014Com os dados obtidos em análises num intervalo de três anos e meio, os cientistas conseguiram relacionar os problemas de sono, como a insónia, e a diminuição da estrutura cerebral.

Os pacientes analisados que afirmavam sofrer de problemas para dormir – 35% do grupo pesquisado – tiveram um declínio mais rápido do volume ou do tamanho do cérebro ao longo do período pesquisado. Os resultados são ainda mais acentuados quando englobam pessoas com mais de 60 anos.

Vários estudos têm mostrado a importância do sono para a saúde do ser humano. A falta de uma boa noite de sono pode levar a problemas como Alzheimer e a demência.

«Ainda não está claro se a qualidade do sono é causa ou consequência das mudanças na estrutura do cérebro», aponta uma das autoras do estudo, Claire Sexton. «Há vários tratamentos eficazes para problemas de sono. Pesquisas futuras precisam de testar se, melhorando a qualidade do sono das pessoas, podemos diminuir a taxa de perda de volume do cérebro. Se for esse o caso, melhorar os hábitos pode ser uma boa maneira de melhorar a saúde cerebral.»

In Diário Digital online
08/09/2014 | 12:52

180: Contra o colesterol resistente

 

Nas últimas décadas, o risco associado à doença cardiovascular diminuiu. E os grandes “culpados” são as Estatinas

visao06092014Nas últimas quatro décadas, o risco associado à doença cardiovascular diminuiu 70 por cento. E os grandes “culpados” são as estatinas – substâncias que fazem baixar o colesterol mau, ou LDL. No entanto, há uma franja da população que não consegue manter os níveis aceitáveis, mesmo tomando a dose máxima de medicamentos e tendo atenção à alimentação. Para estes casos há agora uma alternativa, apresentada no último congresso da Sociedade Europeia de Cardiologia.

O alirocumab, uma molécula da classe dos anticorpos monoclonais, acabou de passar na fase de ensaios clínicos de fase III (a última antes de aprovação), provando ser eficaz na redução do nível de colesterol em doentes de risco, mesmo altamente medicados. Com estes resultados na manga, as farmacêuticas Sanofi e Regeneron preparam-se agora para submeter o alirocumab à aprovação das agências do medicamento americanas e europeias.

In Visão online
Por: Sara Sá
8:05 Sábado, 6 de Setembro de 2014

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...