5: Ligação do ácido fólico à genética reforça a sua importância como suplemento alimentar

 

Uma relação entre alterações de DNA em bebés recém nascidos, a suplementação com ácido fólico durante a gravidez e o peso à nascença foi agora descoberta.

O ácido fólico é uma vitamina hidrossolúvel do complexo B, também designado como folato, folacina ou vitamina B9. Esta é uma substância fundamental na formação de ADN (material genético de todas as células) e também ARN (que transporta os dados do ADN) e síntese proteica.

O ácido fólico (isolado ou incorporado num complexo de vitaminas do grupo B) parece ter também a capacidade de regular a produção e utilização pelo organismo da homocisteína, um aminoácido sulfurado que, em níveis elevados, pode danificar o revestimento dos vasos sanguíneos, tornando-os mais susceptíveis à acumulação de placa ateromatosa (placas compostas especialmente por lípidos e tecido fibroso que se formam nas paredes dos vasos sanguíneos, acumulando-se progressivamente e podendo levar à sua obstrução total).

Várias investigações já provaram que a toma de ácido fólico, em dosagem adequada, antes da concepção e durante as primeiras 12 semanas de gravidez, reduz consideravelmente o risco da criança nascer com problemas congénitos na espinal-medula, entre eles a espinha bífida, uma malformação cujas sequelas poderão ser a paralisia parcial ou total dos músculos dos membros inferiores, incontinência e perda de sensibilidade.

Uma equipa de investigação reforçou agora a importância do ácido fólico ao descobrir que genes cruciais para o desenvolvimento poderão estar ligados a níveis de homocisteína presentes no sangue, cujos níveis são fortemente influenciados por factores genéticos e alimentares, tendo o ácido fólico e as vitaminas B6 e B12 maior interesse.

Vários estudos já mostraram que níveis mais altos de vitamina B estão relacionados, pelo menos em parte, a baixas concentrações de homocistéina e são inúmeras as publicações que relacionam a deficiência em ácido fólico no início da gravidez e o aumento do risco de deficiências a nível do tubo neural em crianças. A suplementação com ácido fólico tem também mostrado efeitos protectores relativamente a nascimentos de bebés com pesos reduzidos.

Com base nesta informação, os investigadores deste estudo sugeriram que a metilação de determinados genes do ADN de bebés poderá ser a chave para conhecer a acção do ácido fólico.

A metilação do ADN é uma modificação química importante na regulação do crescimento celular e sua diferenciação é de elevada importância para vários fins biológicos, entre os quais evitar que genes com potenciais informações prejudiciais ao organismo se cheguem a expressar.

Os autores desta investigação examinaram a relação entre o ácido fólico e o seu metabolismo na metilação do DNA no sangue humano a partir do cordão umbilical, analisando simultaneamente modificações em mais de 27 000 pedaços de DNA que estão associados com mais de 14 000 genes. Os resultados obtidos mostraram que existem padrões genéticos específicos associados à concentração de homocisteína no sangue e os níveis de metilação do ADN e peso à nascença. Estes resultados, apesar de exigirem uma investigação mais aprofundada, podem lavar à descoberta de genes importantes para o desenvolvimento fetal.

A importância do ácido fólico é assim mais uma vez reconhecida, existindo medidas de saúde pública associadas ao mesmo e tendo 51 países actualmente um grau de fortificação obrigatória das suas farinhas com ácido fólico.

A dosagem recomendada desta vitamina é de 200 µg para o adulto em geral e de 400 µg para a mulher que pensa em engravidar e durante a gravidez. Quando o casal decide ter filhos e deixa de usar métodos anti-concepcionais recomenda-se que a mulher inicie de imediato a toma de ácido fólico.

Fonte: Epigenetics
Published online ahead of print, doi: 10.4161/epi.6.1.13392
“Quantitative, high-resolution epigenetic profiling of CpG loci identifies associations with cord blood plasma homocysteine and birth weight in humans”
Authors: A.A. Fryer, R.D. Emes, K.M.K. Ismail, K.E. Haworth, C. Mein, W.D. Carroll, W.E. Farrell
31-12-2010

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...