22: Homenagem ao Senhor Capitão de Artilharia Luís Ascensão Esteves

5.00 avg. rating (93% score) - 1 vote

Chefe da Secretaria da CCS do Batalhão de Caçadores 2834, tive a Honra de servir sob as ordens dele, na altura com o posto de Tenente, entretanto já falecido, e que demonstrou sempre respeito, amizade e uma enorme camaradagem como Oficial, para com os subordinados que com ele trabalharam diariamente durante a Comissão de Serviço na ex-colónia da Guiné-Bissau de Janeiro de 68 a Novembro de 69.

Recebi hoje um e-mail do seu Filho que bastante me emocionou, não só com o texto mas com o envio de uma fotografia do seu Pai com o 1º. Cabo Escriturário Luís Neto, também um dos camaradas que trabalhou comigo e com o Senhor Capitão (Tenente) naquela CCS do BCaç.2834.

Aqui fica mais uma lembrança dessa época:

21: Buba, Guiné, 31.12.1968

5.00 avg. rating (93% score) - 1 vote

Recebi dois e-mails do camarada Luís Neto que fez comigo a comissão na CCS do Batalhão, um a desejar um Bom Natal e outro a lembrar que ontem, dia 31 de Dezembro, fez 47 anos que à meia-noite estávamos a tomar banho no rio Geba em Buba…

Só não me recordo é se antes ou depois, levámos um banho de morteirada dos turras…

Aliás, estes e-mails do Luís Neto foram os únicos que recebi a lembrarem estas duas datas que para muitos são festivas mas que para mim já não possuem qualquer significado.

Obrigado, Luís, por teres lembrado de mim… e do banho em Buba porque já não me recordava desse pormenor…

Buba, Dezembro de 1968 Aprendendo a trabalhar com o morteiro de 81mm
Buba, Dezembro de 1968
Aprendendo a trabalhar com o morteiro de 81mm

 

Buba (vista aérea)
Buba (vista aérea)

19: Camarada Luís Neto

1.00 avg. rating (53% score) - 1 vote

Tive uma notícia que me deixou muito preocupado, referente ao camarada Luís Neto que privou comigo diariamente no dia-a-dia da nossa actividade da Secretaria da CCS do Batalhão.

Telefonei para casa dele na ideia de trocarmos umas larachas e falar-lhe da careca dele e a esposa informou que ele tinha ido hoje para o Hospital de Vila Franca de Xira, dado que se sentiu mal e ainda não sabiam o que se passava.

Espero que tudo não passe de uma situação passageira e… força Luís!

Tínhamos uma amizade forte. Da esq. para a direira: Greazina (motorista do Comandante, Luís Neto ao meio e eu à direita, em minha casa num almoço quando viemos de férias à Metrópole em 1968
Tínhamos uma amizade forte. Da esq. para a direita: Grazina (motorista do Comandante, Luís Neto ao meio e eu à direita, em minha casa num almoço quando viemos de férias à Metrópole em 1968

Nota: Já falei ao telefone com o Luís, estava em casa em convalescença e os exames não ditaram nada de anormal.

Sai cabrito à Luis Neto p’ró jantar e uma lata de manteiga derretida com casqueiro p’rá ceia…!!!…